Publicidade
Publicidade

Pecuária

Região Centro-Oeste produz 120 mil toneladas de peixe em 2016

Levantamento da Peixe BR mostra ainda a produção do Paraná, com 93,6 mil toneladas, e Rondônia, com 74,7 mil toneladas

peixe - agência brasil

Levantamento da Peixe BR mostra ainda a produção do Paraná, com 93,6 mil toneladas, e Rondônia, com 74,7 mil toneladas

Moacir Rodrigues

No campo da piscicultura, a Região Centro-Oeste foi a terceira mais produtiva no ano passado, com 120 mil toneladas. Na sequência, vieram o Nordeste, com 104.680 toneladas, e o Sudeste, que respondeu por 103.830 toneladas. Os dados constam de levantamento estatístico feito pela Associação Brasileira de Piscicultura, publicado no Anuário Brasileiro de Piscicultura (Peixe BR), dando conta que a produção brasileira alcançou, no ano passado, 640,5 mil toneladas de peixes.

São Paulo figura como o terceiro maior produtor, com 65,4 mil toneladas (crescimento de 9%). O estudo mostra ainda a produção do Paraná, com 93.600 toneladas, Rondônia, com 74.750 toneladas. Em relação aos empregos gerados, o setor abriu mais de 1 milhão de oportunidades, sendo que a receita brasileira fechou com R$ 4,3 bilhões no ano.

E, levando em conta os números, o Brasil é um dos países com maior potencial para ampliar a produção, pois dispõe de água, espécies promissoras (tilápia, tambaqui, pirarucu), clima favorável e ainda alta tecnologia. Há ainda a vantagem ao produtor de poder diversificar a produção, consorciando com outras atividades. Ou seja, mais produto em menos espaço. Do pequeno ao grande, a produção de peixes pode dividir espaço com a pecuária e agricultura.

Portal Revista Safra com informações da CNA e Peixe BR

Foto: Divulgação/Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>