Exposição Agropecuária de Jataí discute avanços tecnológicos no agronegócio  

A feira tem o intuito de estimular a divulgação de novas tecnologias, informações e novidades relacionadas ao setor agropecuário

Moacir Rodrigues

Precisão. O termo ganha a cada dia mais ênfase, sobretudo quando se fala em rentabilidade na agropecuária. E a agricultura digital engloba os avanços científicos no campo, ancorados em conhecimentos específicos com o uso de tecnologias voltadas ao aumento qualificado da produção. Pensando nisso, é realizada até o dia 18, em Jataí – cidade goiana localizada na região sudoeste do Estado – a 45ª edição da Exposição Agropecuária de Jataí (Expaja) e do 3ª Jataí Agro. A feira tem o intuito de estimular a divulgação de novas tecnologias, informações e novidades relacionadas ao agronegócio.

“Jataí é uma referência na produção agropecuária do nosso País. Em Goiás, a região é responsável por 10% da produção local, além de ser o maior produtor de milho do Estado”, pondera o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), José Mário Schreiner, que participou da abertura do evento.

Dentro da programação da Expaja, foram realizados o 3° Workshop do Agronegócio de Jataí e o 1º Seminário da Rede de Rádios a Voz do Campo no Cerrado. “Esta feira tem uma importância histórica para Jataí e para Goiás. Vimos que o crescimento do agronegócio puxou o PIB brasileiro para cima, em 1%, depois de oito trimestres. Nesse momento, nós vamos discutir os avanços e os desafios do agronegócio”, ponderou Schreiner.

Durante o 3º Jataí Agro, no Tatersal do Parque de Exposições, várias autoridades participaram da abertura. Dentre elas, o governador Marconi Perillo, o prefeito, Vinícius Luz, o presidente da Associação dos Produtores de Soja de Goiás (Aprosoja-GO), Bartolomeu Braz, e o superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-GO), Antonio Carlos.

Na edição anterior da Expaja, mais de 30 mil pessoas estiveram na feira e cerca de R$ 50 milhões em negócios foram movimentados. Jataí é o maior produtor de milho e sorgo do Brasil, maior produtor de leite de Goiás e 3º do País. Tem também o maior rebanho confinado do Estado, além de abrigar a mais moderna usina de etanol do mundo.

Portal Revista Safra, com informações da Faeg e Sindicato Rural de Jataí

Foto: Aline Rezende Vilela

Publicidade

Publicidade