Publicidade
Publicidade

Mercados

Em Goiás, preço da saca de 60 quilos do milho está abaixo da média nacional  

Na atual safra, como mostra o 9º Levantamento da Conab, a primeira safra do cereal está com a colheita em fase de conclusão, com produção estimada em mais de 30 milhões de toneladas no País

john-deere-colheita-de-milho

Na atual safra, como mostra o 9º Levantamento da Conab, a primeira safra do cereal está com a colheita em fase de conclusão, com produção estimada em mais de 30 milhões de toneladas no País

Moacir Rodrigues

A saca de 60 quilos do milho foi cotada em São Paulo, na sexta-feira, 9, a R$ 26 para compra e R$ 26,50 para venda. Em Itumbiara e Rio Verde, municípios goianos, os preços estavam cotados em R$ 20 e R$ 20,50, para compra e venda, respectivamente. Os preços médios são acompanhados pela Scot Consultoria.

Na atual safra, como mostra o 9º Levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o milho primeira safra está com a colheita em fase de conclusão, com produção estimada em mais de 30 milhões de toneladas no País. O segunda safra está com a colheita iniciada em alguns Estados, com estimativa de produção total superando as 63 milhões de toneladas. O produto é cultivado em 11,8 milhões de hectares, revela a pesquisa.

O clima continua favorecendo a cultura e a estimativa de produtividade é de 5,37 quilos por hectare, a segunda melhor da série histórica. Em Goiás, a necessidade de cumprir contratos de entrega do produto durante a safrinha deste ano, frustrada pela quebra da segunda safra anterior, bem como uma melhor rentabilidade na produção de milho com os patamares de preços vivenciados na época de plantio, contribuíram para o aumento da área plantada nessa safra de verão, quebrando uma sequência de redução de área nas últimas safras.

Mas a incerteza em relação aos preços praticados no mercado futuro, a racionalidade na utilização dos recursos dos estabelecimentos rurais produzindo soja no verão e milho na safrinha, e ainda a melhor liquidez da soja sobre o milho, fez com que poucos sojicultores trocassem a soja pelo milho na atual safra. Na região sudoeste do Estado, o milho verão se encontra praticamente colhido e já há relatos de baixa disponibilidade nos armazéns da região, que abrange o município de Rio Verde.

Portal Revista Safra com informações da Conab e Scot Consultoria

Foto: Divulgação/John Deere

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>