Arquivo/Vandréia de Paula

E-book mostra 45 anos de pesquisa para o uso sustentável da água na agricultura

Durante o lançamento da publicação, o presidente da Embrapa, Maurício Lopes, disse que “em 2050, a expectativa é por uma população de 9 bilhões de pessoas. A população exige cada vez mais soluções tecnológicas para a produção de alimentos, inclusive o uso racional da água"

No Dia Mundial da Água, comemorado ontem, 22, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) lançou no 8º Fórum Mundial da Água, que acontece em Brasília (DF) até hoje, 23, o e-book Água e Saneamento – Contribuições da Embrapa. O lançamento foi realizado no Auditório da Casa Brasil, no espaço de exposições, localizado na infraestrutura do Fórum Mundial da Água. Em formato de e-book, a publicação apresenta as contribuições da Embrapa, ao longo de seus 45 anos, para o 6º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) – Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos. Em abril estão previstos o lançamento de outras 17 publicações eletrônicas, onde a Empresa abordará suas contribuições no campo da ciência e das soluções tecnológicas ofertadas à sociedade para cada um dos 17 ODS.

Durante o lançamento, o presidente da Embrapa, Maurício Lopes, disse que “em 2050, a expectativa é por uma população de 9 bilhões de pessoas. A população exige cada vez mais soluções tecnológicas para a produção de alimentos, inclusive o uso racional da água. E explicou que “o e-book marca parte de um grande esforço que a Embrapa faz no sentido de agregar a nossa rede de parceiros em torno da agenda dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável – ODS – da ONU (Organização das Nações Unidas)”.

Dividida em nove capítulos, escritos por 35 pesquisadores, a obra traz informações sobre como a Embrapa e seus parceiros têm contribuído para a gestão eficiente dos recursos hídricos no território brasileiro. Manejo sustentável, saneamento e governança, qualidade, escassez e uso eficiente dos recursos hídricos, reuso de efluentes domésticos tratados na horticultura, coleta e armazenamento de água de chuva para uso agrícola são alguns dos temas tratados no e-book (em formato epub) que pode ser baixado gratuitamente no Portal Embrapa no seguinte endereço: https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura.

Produtividade – O pesquisador da Embrapa Cerrados Jorge Werneck Lima, especialista em hidrologia e um dos coordenadores técnicos da publicação, destacou a importância da obra: “ela permite que a Empresa reúna em um único volume diversos trabalhos no campo da irrigação, da qualidade da água e do saneamento”. Para Lima, a pesquisa deve contribuir para que se busque o melhor uso da água, produzindo mais com menos e gerando menos impactos para o meio ambiente.

Ele diz que ainda é um desafio conectar tecnologias verdes em obras cinzas – relacionadas a obras de esgoto sanitário e lodo – e de cimento. “Por isso a importância de apresentar informações e soluções tecnológicas, alinhadas com políticas públicas, como os conteúdos que estão na publicação.” Lima é atualmente diretor da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa). Lima exemplificou destacando as fossas sépticas biodigestoras como solução tecnológica de fácil instalação e baixo custo, que trata o esgoto do vaso sanitário (ou seja, somente a água com urina e fezes humanas) de forma eficiente, além de produzir um efluente que pode ser utilizado no solo como fertilizante.

Pesquisadora da Embrapa Solos, Unidade de Execução e Pesquisa de Recife (UEP Recife), Sônia Lopes destacou que a publicação irá contribuir para todos os níveis da agricultura, desde o agronegócio até a agricultura familiar e em diferentes biomas. “São 45 anos de estudo da Embrapa nesse tema”, diz. Especificamente para o Semiárido, onde a pesquisadora tem estudos, são inúmeras tecnologias para o produtor rural que vive em ambientes de escassez de água, entre eles, o Sisteminha Embrapa, a barragem subterrânea, a cisterna, o sistema de irrigação para pequenos agricultores. “Um acervo enorme que está disponível para a sociedade”, enfatiza.

IrrigaWeb – O evento também teve a apresentação da estratégia de capacitação online do Sistema IrrigaWeb – capacitação em Uso e Manejo de Irrigação. Composto por 3 módulos, 11 unidades e 580 telas, o sistema se destina a produtores rurais, técnicos e cooperativas que atuam na gestão da irrigação. Os módulos e as videoconferências online tratam, basicamente, de quatro assuntos, a Água na Agricultura e Agricultura Irrigada, Água versus Disponibilidade versus Balanço Hídrico, Requisitos e condições para água pelas culturas e Aplicações de água e produtos na irrigação de cultivos. “Uma nova ferramenta de comunicação capaz de organizar e disseminar informações valiosas para técnicos e produtores rurais”, destacou o gerente de Marketing da Embrapa, Rafael Vivian, ao apresentar o IrrigaWeb aos participantes.

Embrapa

Publicidade

Publicidade