Publicados na Instrução Normativa nº 23, os anexos versam sobre espécies de plantas exóticas e as variedades introduzidas, mas que foram domesticadas no País e passaram a contar com características de adaptação que as diferem das originais

Publicidade

Publicidade